segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Resposta de uma pergunta que foi feita ao médico psiquiatra Roberto Shinyashiki, numa entrevista concedida por ele à revista "Isto É". O entrevistador Camilo Vannuchi perguntou a ele: - Muitas pessoas têm buscado sonhos que não são seus? Shinyashiki responde: - A sociedade quer definir o que é certo. São quatro as Loucuras da Sociedade. A primeira é: - Instituir que todos têm de ter sucesso, como se ele não tivesse significados individuais. A segunda loucura é: -Você tem de estar feliz todos os dias. A terceira é: -Você tem que comprar tudo o que puder. O resultado é esse consumismo absurdo. Por fim, a quarta loucura: -Você tem de fazer as coisas do jeito certo. Jeito certo não existe. Não há um caminho único para se fazer as coisas. As metas são interessantes para o sucesso, mas não para a felicidade. Felicidade não é uma meta, mas um estado de espírito. Tem gente que diz que não será feliz enquanto não casar, enquanto outros se dizem infelizes justamente por causa do casamento. Você pode ser feliz tomando sorvete, ficando em casa com a família ou amigos verdadeiros, levando os filhos para brincar ou indo a praia ou ao cinema. Quando era recém-formado em São Paulo, trabalhei em um hospital de pacientes terminais. Todos os dias morriam nove ou dez pacientes. Eu sempre procurei conversar com eles na hora da morte. A maior parte pega o médico pela camisa e diz: "Doutor, não me deixe morrer. Eu me sacrifiquei a vida inteira, agora eu quero aproveitá-la e ser feliz". Eu sentia uma dor enorme por não poder fazer nada. Ali eu aprendi que a felicidade é feita de coisas pequenas. Ninguém na hora da morte diz se arrepender por não ter aplicado o dinheiro em imóveis ou ações, mas sim de ter esperado muito tempo ou perdido várias oportunidades para aproveitar a vida. ‘Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é opcional’.” Que nenhuma loucura da vida se aproxime de vc e que seu principal objetivo seja ter uma vida plena com Deus. Viva sua vida, com o que vale apena!!

segunda-feira, 14 de abril de 2014

20 coisas que aprendi depois de ter o segundo filho

1) é muito mais fácil 2) toda aquela insegurança fica para trás 3) o trabalho dobra… mas você está muito mais preparada!! 4) as vezes você se pergunta: “Como fui ter coragem de começar tudo de novo??”- mas passa rápido esse tipo de desespero!! 5) quando o bebezinho chora a chance do maior chorar é enorme… 6) quando um fica doente, a chance do outro ficar também é enorme… 7) o tempo que você tem para você mesma diminui ainda mais – CUIDADO! 8 ) o tempo que você tem para o seu marido diminui ainda mais também – CUIDADO!!! 9) não fique comparando um filho com o outro – eles não são nada iguais 10) dormir, o que é isso mesmo?!?! 11) você visita mais o pediatra do que suas melhores amigas 12) você vai se preocupar muito com o ciúmes do mais velho… como seria bom poder se dividir em duas… 13) no segundo filho definitivamente você precisa de ajuda – pelo menos no primeiro mês – principalmente se o irmão (ou irmã) ainda for muito pequeno (a) 14) sabe aquelas coisas que você já tinha aposentado: banheira, carrinho, chupeta, mamadeiras, tapetinho, chocalhos… tuuuuuuudo de novo espalhado pela casa 15) como é gostoso ter um bebê de novo… só aquele cheirinho… 16) engordar de novo, ter azia, enjôo, medo… tudo vale muito a pena 17) como a gente gasta com nossos pequenos… vem o segundinho, gastos dobrados!!! 18) é maravilhoso vê-los interagindo 19) aquele amor louco que você já sente pelo mais velho (a) acaba de ser multiplicado por dois – realmente aquela lenda que coração de mãe cabe muita coisa não pode ser mais verdadeira… 20) Um é pouco, dois é bom DEMAIS!!!!!

Só pra descontrair....

COISAS DA VIDA!... Está um gajo descansadinho da vida sentado no seu sofá, a ver o futebol, quando de repente vinda não se sabe muito bem de onde, leva com uma frigideira na cabeça. O desgraçado, de joelhos no chão, vendo estrelas por todo o lado, volta-se para a mulher: - Atão!?!?!? Tás parva ou quê??!? O qu'é que se passou??? - Isto é pelo bilhete que acabei de encontrar no bolso das tuas calças, e que tem o nome Marilu e o número 7500589, respondeu ela. - Vê-se mesmo que és estúpida!!!! Isso foi da última vez que fui às corridas de cavalos. Marilu era o nome do cavalo, 7500 foi o valor que eu apostei, 58 era o nº do cavalo e 9 a corrida em que o cavalo entrou...Vai pr'á cozinha e não me chateies mais! Tarada.... Dassssse!!! E ela: - Errei... Mas... Bom... Quer dizer.... Ò meu amor desculpa, desculpa, não volta a acontecer... Passados 2 dias está o homem outra vez descansadinho da vida, a ver os resumos da bola, quando...... PUUUMMMMMMMM, leva com a panela de pressão nos cornos... Completamente tonto, deitado no chão e ainda não refeito da pancada, grita: - Porra, pá!!! Atão?!?! Outra vez!!!! O que é que foi agora? A mulher responde: - O teu cavalo está ao telefone...!!!

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

O MELHOR DA AMIZADE

O MELHOR DA AMIZADE "Outro dia participei de uma mesa-redonda que propunha uma discussão sobre amizade feminina. Existe mesmo? Há quem acredite que as mulheres são eternas concorrentes e, portanto, muito pouco leais. Existe amizade feminina, sim. Amizade real, sólida e vitalícia. O que acontece é que as mulheres se envolvem muito na vida umas das outras, e isso, como em qualquer relação, gera alguns mal-entendidos, ciúmes e até brigas feias, o que faz parecer que amizade entre mulheres é frágil. Os homens são menos invasivos, não se envolvem tanto com a intimidade dos amigos. Por isso, atritam-se menos e passam a idéia de serem mais estáveis. A amizade é o melhor – e provavelmente – o único antídoto contra a solidão. E não precisa ser uma amizade grandiloquente, do tipo grude 24 horas e sem segredos. Uma amizade pode ser forte e leve ao mesmo tempo. E melhor ainda se forem amizades variadas. Uma boa amiga para ser sua sócia, outra para dar dicas de viagens, uma amiga especial para conversar sobre sentimentos escusos, outra amiga fantástica para falar sobre livros e filmes, uma amiga indispensável para lhe dar um ombro quando você está caidaça. Nenhum problema em departamentalizar. Ao menos nas amizades, viva a poligamia. Amigos homens são igualmente imprescindíveis. Quando ouço que não existe amizade entre homem e mulher por causa da possibilidade de um envolvimento amoroso, pergunto: e daí? Qual o problema de haver uma sensualidade no ar? Todas as relações incluem alguma espécie de sedução – todas. Amigo homem é bom porque eles não falam toda hora sobre filhos, empregadas, liquidações, esses papos xaropes. Amigo homem não faz drama, ri das nossas manias, traz novos pontos de vista sobre as coisas que nos angustiam, não pede nossas roupas emprestadas e, o que é melhor, comenta sobre suas ex-namoradas e com isso acaba nos dando dicas muito úteis para enfrentar esta tal guerra dos sexos. Amiga de infância, amiga irmã, amigo homem, amigo gay, amigos virtuais, amigos inteligentes, amigos engraçados, amigos que não cobram, que não são rancorosos, amigos gentis, amigos que se mantêm amigos na distância e no silêncio, todos eles ajudam a formar nossa identidade e a nos sentir protegidos nesta sociedade cada vez mais bruta e individualista. E não posso esquecer do melhor amigo de todos, e não é seu cachorro, seu gato ou seu hamster: estou falando daquele ser humano com quem a gente casou, aquela pessoa que convive conosco dia e noite, numa promiscuidade escandalosa, e cujo vínculo se mantém com muita paciência, humor, respeito e solidariedade, tal qual acontece entre os verdadeiros amigos do peito." Martha Medeiros

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Te vivo

Quando me sinto só Te faço mais presente Eu fecho os meus olhos E enxergo a gente Em questão de segundos Voo pra outro mundo Outra constelação Não dá para explicar Ao ver você chegando Qual a sensação A gente não precisa estar colado pra estar junto Os nossos corpos se conversam por horas e horas Sem palavras tão dizendo a todo instante um pro outro, O quanto se adoram Eu não preciso te olhar Pra te ter em meu mundo Porque aonde quer que eu vá Você está em tudo Tudo, tudo que eu preciso Te vivo Quando me sinto só Te faço mais presente Eu fecho os meus olhos E enxergo a gente Em questão de segundos Voo pra outro mundo Outra constelação Não dá para explicar Ao ver você chegando Qual a sensação A gente não precisa estar colado pra estar junto Os nossos corpos se conversam por horas e horas Sem palavras tão dizendo a todo instante um pro outro, O quanto se adoram Eu não preciso te olhar Pra te ter em meu mundo Porque aonde quer que eu vá Você está em tudo Tudo, tudo que eu preciso Te vivo

Te Esperando(Letra linda!)

Mesmo que você não caia na minha cantada Mesmo que você conheça outro cara Na fila de um banco Um tal de Fernando Um lance, assim Sem graça Mesmo que vocês fiquem sem se gostar Mesmo que vocês casem sem se amar E depois de seis meses Um olhe pro outro E aí, pois é Sei lá Mesmo que você suporte este casamento Por causa dos filhos, por muito tempo Dez, vinte, trinta anos Até se assustar com os seus cabelos brancos Um dia vai sentar numa cadeira de balanço Vai lembrar do tempo em que tinha vinte anos Vai lembrar de mim e se perguntar Por onde esse cara deve estar? E eu vou estar Te esperando Nem que já esteja velhinha gagá Com noventa, viúva, sozinha Não vou me importar Vou ligar, te chamar pra sair Namorar no sofá Nem que seja além dessa vida Eu vou estar Te esperando (Luan Santana)